Contribuição financeira do programa LIFE da União Europeia
Facebook
EN

Novas espécies

30 DE OUT - Mata da Machada

O projeto Life Biodiscoveries tem vindo a ser acompanhado por campanhas de monitorização para avaliar os seus resultados. Estas monitorizações produzem informação mais aprofundada sobre a Reserva Natural Local da Mata da Machada e Sapal do rio Coina (RNL) e os seus valores naturais.


Até ao momento foram referenciadas 11 novas espécies de plantas das quais vale a pena destacar a gramínea Carex oedipostyla.
Não sendo propriamente muito rara, é uma espécie de identificação difícil, com uma distribuição muito localizada na zona mediterrânica ocidental e Macaronésia (Madeira, Açores e Canárias), descrita pela primeira vez em poucos locais do sul de França, Córsega e Sardenha, encontrada depois em Marrocos e em Espanha, nomeadamente nas Ilhas Baleares e Canárias.
Será uma espécie de ocorrência mais comum do que se poderia pensar pela raridade dos registos da sua localização, provavelmente por ser confundida com espécies semelhantes tais como C. depressa e C. distachya.

Vive em ambientes de solos ácidos, associada a matos mediterrânicos. Na zona da Mata da Machada encontra-se em solos secos, aparecendo em clareiras de matos com pouca água e dominados por carvalhiça (Quercus lusitanica) e urze (Erica scoparia) em zonas de pinhal, acompanhada por outras espécies típicas destes solos tais como o tomilho (Thymus villosus).


Continuaremos a usar este site para ir dando informação sobre o que se vai passando no projeto, mas se quiser informação mais específica sobre algum dos temas que abordamos, não hesite, contacte-nos.

 

 

voltar